fbpx
Empreendedorismo Marketing

7 passos para destacar o seu negócio

Quando a gente fala sobre estratégias de vendas o primeiro ponto é saber qual é o seu objetivo real.
Esse objetivo precisa estar alinhado aos propósitos da empresa.

Sabe aquela velha frase: “Se você não sabe aonde quer chegar, qualquer caminho serve.” Ela se encaixa perfeitamente quando falamos sobre táticas de vendas. Pois a estrutura e a energia colocada nas ações irão variar de acordo com o real faturamento que deseja conquistar.

A nossa meta precisa ser mais específica possível para podermos traçar a estratégia mais produtiva.

Podemos focar nos mais variados tipos de meta, desde a metas financeiras até a meta de criação de fãs para a marca

Para qualquer que seja a meta você precisará também criar formas de mensurar esses resultados. Trace indicadores e acompanhe os seus resultados pois só assim você poderá validar a estratégia.

Principalmente nesse momento devemos traçar metas que sejam realmente atingíveis. E para isso você precisará analisar o mercado, o movimento dos seus clientes, sua capacidade de produção… Todo e qualquer objetivo traçado precisará ser extremamente relevante para você. Precisa fazer sentido e te motivar a agir.

Meta e planejamento são extremamente citados. Ótimo, concordo que devemos planejar sobre o nosso negócio. Sendo que, a sua empresa não pode parar. Em momentos de recessão certamente precisaremos passar por reestruturação, mas precisamos planejar e agir simultaneamente.

O seu negócio precisa sobreviver à crises. Até mesmo para poder colocar as novas estratégias em prática. E nesse contexto o nosso planejamento não pode ser de longo prazo, pois a situação pode ser extremamente instável.

Temos que traçar ações de curto prazo, que podem gerar

resultados de médio prazo.

Vender é você sanar uma dor ou entregar um prazer. É além de resolver um problema. Por mais que o seu negócio não seja um produto dos ditos produtos essenciais, o seu negócio precisa mostrar ainda mais como ajuda as pessoas e continuar fazendo ofertas!
Para criar essa estratégia você precisa entender o que o seu cliente quer de fato.

Quais sensações e emoções ele está buscando com o resultado que você pode gerar para ele.

Você fará essa comparação com a situação que o seu cliente está passando no momento. Além disso, precisamos descobrir qual seria o pior cenário, o real problema que vai enfrentar caso não adquira o seu produto ou serviço.

Muito provavelmente a jornada de compra, mapa da empatia e diversos outros pontos que fazemos para criar a experiência do cliente está comprometida. Por isso a sua comunicação terá uma importância ainda maior.

Você vai precisar mais ainda comunicar o seu grande diferencial e como isso vai fazer o seu cliente ter resultados.

A sua estratégia precisará estar focada em atrair o seu cliente ideal com conteúdo de qualidade e identificação com os seus propósitos e valores.

Você precisa se perguntar antes de gerar qualquer conteúdo:

Por que eu deveria prestar atenção nisso?

Estamos com excesso de informação, e usaremos o nosso tempo de forma ainda mais seleta.
Depois você vai despertar o interesse, fazer o lead descobrir o seu “UAL” e como ele se sentirá bem com os resultados que vai gerar. Com isso vai desejar o seu produto ou serviço. Somente nesse momento você aperta as necessidades e o conduz para ação.

Quando o cliente recebe a sua oferta ele pensa 3 coisas básicas:

  • Por que comprar
  • Por que comprar de você
  • Por que comprar agora

Além de:

  • Eu posso comprar
  • Eu quero comprar
  • Eu devo comprar

Nas estratégias convencionais estaríamos focados em – “Por que comprar de você” ou “Eu quero comprar“. Sendo que na ocasião atual a nossa comunicação precisa estar no “Por que comprar” e “Eu devo comprar“.
E para ajudar nessa decisão de compra do seu cliente, pode pensar:

  • O que eu preciso diminuir?
  • O que eu preciso incrementar?
  • O que eu preciso criar?
  • O que eu preciso eliminar?

Agora que você já sabe como ajustar a sua estratégia, vamos descobrir e colocar em prática os próximos passos:

1 – Estudar e se moldar ao novo mercado

Novas formas de mercado surgiram e continuarão surgindo. E pode ser que a forma como você conduzia o seu negócio já não tenha mais o mesmo efeito.
Assim como atualmente essa pode ser a forma ideal buscada pelos clientes, te proporcionando uma grande oportunidade. Por isso é importantíssimo construir a sua nova postura nesse mercado.

Responda às seguintes questões:

  • Há alguma nova legislação que pode influenciar o seu negócio?
  • Como devo agir em relação a isso?
  • Quem são os seus 3 principais concorrentes?
  • O que eles estão fazendo que está dando muito certo e você pode adaptar para o seu negócio?
  • Quais oportunidades pode gerar para o seu negócio?
  • Quais ameaças o meu mercado ou negócio podem enfrentar?
  • Quais medidas deve tomar para minimizar os efeitos dessas ameaças?

Se antecipe e ganhe destaque.

2 – Estudar o novo modelo de cliente

Nós e nossos clientes também estamos com intenções e expectativas de compra diferentes das que tínhamos antes da pandemia começar.

  • Como está o novo perfil do meu cliente?
  • Quais são suas novas necessidades e desejos?
  • Qual é a nova forma de aquisição do produto (preço, forma de pagamento, entrega…)?

Muito possivelmente a jornada do cliente, o mapa da empatia e tudo o que você construiu para o seu cliente precisará ser reorganizado.
Faça isso o quanto antes!

3 – Atualizar e comunicar a sua proposta de valor
  • Como a sua empresa ou você precisam estar posicionados quando a quarentena acabar?

Venda a imagem da empresa. Comunicar o propósito, a missão, os valores… Ajude os seus clientes a descobrirem porque precisam de você.
Quais são, por exemplo, os três valores que a sua marca já tinha e ainda não estavam presentes na sua comunicação e a partir de agora precisarão estar?

  • Quais são, por exemplo, os três valores que a sua marca já tinha e ainda não estavam presentes na sua comunicação e a partir de agora precisarão estar?

Atrair a Atenção, gerar Interesse, despertar o Desejo para que gere a ação de compra.

  • Como pode utilizar esse período para fortalecer a marca?
4 – Criar Novas Metas

A nossa meta precisa ser mais específica possível para podermos traçar a estratégia mais produtiva. Estamos tendo os mais variados tipos de meta, desde metas financeiras até meta de criação de fãs para a marca.

Para qualquer que seja a meta você precisará também criar formas de mensurar esses resultados , pois será a forma de validar a estratégia que será criada e poder aprimorá-la constantemente.

Principalmente nesse momento devemos traçar metas que sejam realmente atingíveis. Todo e qualquer objetivo traçado precisará ser extremamente relevante para você. Precisa fazer sentido e te motivar a agir.

  • Qual será a sua meta?
  • Qual será o prazo para conquistá-la?
5 – Desenvolver novas habilidades e competências
  • Quais habilidades você precisa desenvolver para, além de sobreviver, destacar o seu negócio.
  • Quais são as tendências do seu setor?
  • Quais competências você vai precisar desenvolver?

Algumas coisas deixaram de ser tendência e se tornaram realidade. Você precisa estar apto para lidar com esse novo modelo de negócio.

  • Como está organizada a sua rotina nesse momento de quarentena?

Administração do tempo e equilíbrio emocional farão toda a diferença para conseguir erguer o seu negócio.

6 – Criar o Fluxo de Cadência

A venda passiva já não surte o mesmo efeito. Agora você precisa ainda mais ir em busca e estar presente para o seu cliente e possível cliente. Por isso, crie uma rotina de interação:

  • Determine o seu objetivo com cada um dos contatos.
  • Construa  os seus novos pontos de contato, como por exemplo ligação, conversa por aplicativo de mensagem, redes sociais…
  • Estruture o conteúdo de cada um dos contatos, assim como a sua frequência.
7 – Agir ainda mais do que antes

Há muito tempo alguns grandes empresários não trabalhavam tanto. Imagina quanta ideia boa vai surgir. Precisaremos nos dedicar ainda mais do que antes para termos condições de competir com um mercado ainda mais acirrado. Se organize, crie suas estratégia e aja!

São as suas ações tomadas nesse momento que vão determinar os seus resultados de agora em diante

Agora que você já sabe o que precisa ser feito e como fazer, organize a sua nova rotina e “mãos à obra”!

Queremos comemorar os resultados com você.

Compartilhe conosco como foi colocar essas ações em prática e todos os resultados que conquistou!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *